Ocorreu um erro neste gadget

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

ABORTO ,o grito silencioso







Aborto, o grito silencioso dos que não nasceram

A questão do aborto esteve no topo da lista das grandes discussões políticas em nossa nação. Este é um assunto solene, que merece nossa maior atenção. Não devemos ser frívolos em sua análise. O aborto sempre foi e ainda é assunto de debates entre juristas e legisladores; é tema da ética cristã que exige um posicionamento da igreja. Algumas ponderações precisam ser feitas no trato dessa matéria: Quando começa a vida? Quem tem o direito de decidir sobre a interrupção da vida? Em que circunstâncias um aborto pode ser justificado? O que a Palavra de Deus tem a dizer sobre o assunto? Não queremos, neste artigo, discutir aqueles casos de exceção, onde a medicina e a ética cristã precisam fazer uma escolha entre a vida da mãe ou do nascituro. Queremos, sim, alertar para a prática indiscriminada e irresponsável do aborto, fruto muitas vezes, de uma conduta imoral.
Embora seja ainda matéria de discussão, é consenso geral que a vida começa com a fecundação. A ciência apresenta o fato de que a vida humana inicia com a fecundação e termina com a morte. Desde a concepção, todos os componentes da vida já estão potencialmente presentes para o seu pleno desenvolvimento. É desse óvulo fertilizado que se desenvolve o ser humano pleno, corpo e alma. Na perspectiva bíblica, Deus é o autor da vida e ele mesmo é quem forma o nosso interior e nos tece no ventre da nossa mãe. É Deus quem nos forma de maneira assombrosamente maravilhosa. O salmista diz: “Os meus ossos não te foram encobertos, quando no oculto fui formado e entretecido como nas profundezas da terra. Os teus olhos me viram a substância ainda informe, e no teu livro foram escritos todos os meus dias, cada um deles escrito e determinado, quando nem um deles havia ainda” (Sl 139.15,16). A Bíblia fala do ser antes do nascer. Davi diz: “Eu nasci na iniqüidade, e em pecado me concebeu minha mãe” (Sl 51.5). Jó descreve sua existência pré-natal afirmando: “Porventura não me vazaste como leite e não me coalhaste como queijo? De pele e carne me vestiste, e de ossos e tendões me entreteceste” (Jó 10.10). Fica claro na perspectiva da Escritura, que a vida começa na concepção.
A lei de Deus é enfaticamente clara: “Não matarás” (Ex 20.13). Deus é o autor da vida e só ele tem autoridade para tirá-la (1Sm 2.6). A decisão acerca do aborto não pode ser apenas uma discussão restrita à mãe e ao seu médico. O direito à vida é um direito sagrado e deve ser amplamente discutido, sobretudo, à luz da ética cristã. O aborto é a eliminação de uma vida. É um assassinato. E o mais grave: um assassinato com requintes de crueldade. O aborto é matar um ser indefeso, incapaz de proteger-se. É tirar uma vida que não tem sequer o direito de erguer a voz e clamar por socorro. Ah! Se os milhões de crianças que não chegaram a nascer pudessem gritar aos ouvidos do mundo, ficaríamos estarrecidos diante dessa barbárie. Ficamos chocados com o Holocausto, onde seis milhões de judeus foram mortos nos campos de concentração e nos paredões de fuzilamento. O aborto, entretanto não é menos perverso. O ventre materno em vez de ser um refúgio da vida, torna-se o corredor da morte; em vez de ser o berço da proteção, torna-se o patíbulo da tortura; em vez de ser o reduto mais sagrado do direito à vida, torna-se a arena mais perigosa da morte. O aborto é um crime com vários agravantes, pois não raro, a criança em formação é envenenada, esquartejada e, sugada do ventre como uma verruga pestilenta e indesejável. Oh, que Deus tenha misericórdia da nossa sociedade! Que Deus tenha piedade daqueles que legislam! Que Deus tenha compaixão daqueles que favorecem ou praticam tamanha crueldade!o .
PR.HERNANDES DIAS LOPES

RESTAURAÇÃO EM MEIO AS DERROTAS





A restauração de Deus na tragédia

Referência: Jó 1, 2, 42
INTRODUÇÃO
1.Um esforço concentrado do inferno para destruir a família
A família está sendo bombardeada com arsenal pesado. Há torpedos mortíferos apontados para a família. É a crise conjugal. É crise dos jovens. É a crise dos valores.
A família está perdida. A educação moderna está perdida. As instituições não sabem o que fazer para reverter essa crise.
2.Seis áreas básicas que o inimigo tenta atacar em nossa vida
a)Nosso relacionamento com Deus
b)Finanças
c)Filhos
d)Saúde
e)Casamento
f)Amizades.
3.Deus proclama o caráter de Jó – 1.8
Deus conhece os que são seus. Deus conhece sua vida. Ele sabe quem é você. Ele sabe o que você não faz e o que você faz. Ele conhece seus pensamentos, seus desejos, seus sonhos. Deus elogia Jó pela sua piedade e integridade.
4.Satanás levanta suspeitas sobre as motivações de Jó – 1.9-11
Ele disse que Jó serve a Deus por interesse.
Disse que Jó serve a Deus porque Deus o tem enriquecido.
Satanás acusa Jó de amar mais o dinheiro, os filhos e a saúde do que a Deus.
5.Deus constitui Jó como seu advogado na terra – 1.12
Deus confia em Jó. Jó não sabia, mas ele havia sido constituído como advogado de Deus na terra ao passar pelas duras provas e revezes da vida. Se Jó naufragasse, era o nome e a reputação de Deus que estava em jogo.
I.OS TORPEDOS DO INFERNO NA FAMÍLIA DE JÓ
1.Satanás acatou os bens de Jó – 1.13-20
a)Ele usou homens – sabeus e caldeus roubaram e saquearam os rebanhos de Jó. Ele foi espoliado, roubado. Jó decretou falência. Foi à bancarrota. Abriu concordata.
b)Ele usou fogo – queimou ovelhas e servos (1.16).
Jó sendo o homem mais rico do Oriente, ficou pobre, sem crédito. Sua empresa faliu, seu negócio acabou.
A crise financeira é a crise de muitas famílias hoje. É o investimento que não deu certo. É o negócio que se frustrou. É a empresa que não reage. É a globalização que solapou sua estabilidade. É o jovem que sai da Faculdade sem perspectiva de emprego. É o pai de família que é mandado embora aos 50 anos e não arranja mais emprego.
Talvez um acidente, uma tragédia, uma mudança de política na empresa pegou você de surpresa e pôs sua vida financeira de cabeça para baixo. Tudo que você construiu durante anos foi de água para baixo.
2.Satanás atacou os filhos de Jó – 1.19
a)Jó era um pai exemplar (1.4,5) – Jó inspirava amizade no coração dos filhos (1.4). Ele tinha comunhão com os filhos (1.5). Ele santificava os filhos (1.5). Ele orava por todos os filhos (1.5). Ele orava pelos filhos de madrugada e continuamente (1.5). Ele priorizava a vida espiritual dos filhos.
b)Satanás atacou os filhos de Jó num dia de festa e comunhão familiar – Todos os filhos morreram num único desastre. Jó vai para o cemitério sepultar todos os seus 10 filhos de uma única vez. Sua dor é indescritível. Jó raspou a cabeça, mostrando que a sua glória havia apagado.
c)Os amigos de Jó o acusam – Disseram que a habitação de Jó havia sido amaldiçoada (5.3). Disseram que seus filhos haviam sido desamparados e destruídos (5.4). Disseram que seus filhos eram rebeldes e por isso Deus os havia destruído (8.4).
d)Quem sabe este é dilema da sua vida hoje – Há muitos filhos que estão sendo atingidos pelos dardos inflamados do maligno. Há muitos pais e mães que estão chorando pelos filhos. Há muitos filhos que estão no mundo, no vício, no pecado. Quem sabe seus filhos são rebeldes, desobedientes e isso está acabando com você.
3.Satanás atacou a saúde de Jó – 2.4-6
Satanás achou que Jó amava mais a sua pele do que a Deus.
Jó então foi ferido: infecção, mau hálito, dor, pele necrosada, corpo encarquilhado. Raspava suas feridas com cacos de telha.
As pessoas cuspiam nele. Seus ossos ardiam. Formavam-se bolhas de pus e ele mordia nessas bolhas para aliviar sua dor.
Sua dor foi tão grande que ele: 1) Desejou morrer no ventre da mãe (3.11; 10.18); 2) Desejou morrer ao nascer (3.11); Desejou que os seios de sua mãe estivessem murchos para morrer de fome (3.12); 4) Procurou e desejou a morte, mas a morte fugiu dele (3.21,22).
Quem sabe você vive o drama de uma enfermidade na família, uma doença crônica, um diagnóstico sombrio e uma cirurgia iminente.
4.Satanás atacou o casamento de Jó – 2.9,10
A mulher de Jó não suportou a pressão. Ela estava acostumada com o sucesso e não com o sofrimento. Ela estava acostumada com as glórias da prosperidade e não com o vale da adversidade.
Ele se insurgiu contra Deus, blasfemou contra ele, ergueu os punhos contra o céu e ordenou seu marido a romper com Deus e morrer.
Jó enfrenta o drama da crise conjugal. Do abandono da esposa na hora da sua maior solidão e aflição. É a dor que supera o romance. É a revolta mostra a carranca. É a crise no casamento que se instala. É o divórcio do cônjuge e depois dos filhos.
5.Satanás atacou as amizades de Jó
Eles são amigos – Vêm de longe.
Eles são solidários – Choram
Eles acusam Jó de:
a)Dizem que Jó não é convertido – 22.21-30ç
b)Dizem que Jó é um pecador endurecido – 11.3
c)Dizem que Jó é rebelde contra Deus – 34.35-37
d)Dizem que Jó é hipócrita – 4.3-5
e)Dizem que Jó é adúltero – 8.6,7ç 22.5
f)Dizem que Jó é ladrão – 18.19
g)Dizem que Jó é explorador dos pobres – 22.6
h)Dizem que Jó é insensível às necessidades dos aflitos – 22.7,9
i)Dizem que Jó é louco – 5.2
Quem sabe seus amigos mais achegados se voltam contra você: é a decepção, a mágoa, a traição, a acusação insolente, injusta.
II. A ATITUDE DE JÓ DIANTE DO DRAMA DO SOFRIMENTO
1.Jó desaba com Deus sobre sua dor
Jó, na sua angústia levou aos céus 16 vezes a pergunta: POR QUE.
a)Por que estou sofrendo
b)Por que perdi meus filhos
c)Por que Deus não responde minhas orações
d)Por que perdi meus bens
e)Por que meu casamento acabou
f)Por que meus amigos me acusam
g)Por que Deus não me mata
Jó estava cheio de queixas. Ele levantou 34 queixas contra Deus.
2.Ninguém entendeu a causa do sofrimento de Jó
a)Satanás – Ele serve a Deus por interesse.
b)A mulher de Jó – Revolta-se contra Deus, abandona-o e pede ao marido para desistir de Deus e morrer.
c)Seus amigos – A causa são os pecados de Jó.
d)Jó – acha que suas aflições foram impostas por Deus.
e)Ninguém discerniu que era Satanás que estava atacando Jó. Ilustração: SARA.
III. A INTERVENÇÃO DE DEUS NA RESTAURAÇÃO DE JÓ
1.Deus não respondeu sequer um dos questionamentos de Jó, mas faz-lhe 70 perguntas.
Onde estavas tu quando eu lançava os fundamentos da terra
Onde estavas tu quando eu espalhava as estrelas no firmamento.
Onde estavas tu quando eu punha limite nas águas do mar.
Deus mostrou para Jó sua soberania.
Quando não pudermos entender o que Deus está fazendo: podemos saber que ele está no controle e é nosso Pai.
2.Tudo que Satanás intentou contra Jó, Deus reverteu em bênção
Satanás tentou afastar Jó de Deus, mas Jó ficou mais perto do Senhor.
Satanás tentou destruir a confiança de Jó através do sofrimento, mostrando que Deus não era nem soberano nem amor; mas Jó se curva diante da soberania de Deus – Ilustração – O satanista que enviou uma compra para uma crente em necessidade.
Satanás tentou azedar o coração de Jó com mágoa de seus amigos, mas Jó intercede por eles.
Satanás tentou tirar tudo de Jó, mas Deus devolveu-o em dobro.
Jó compreendeu seis coisas:
1)Ele entendeu que não há crise que Deus não possa reverter – “Bem sei que tudo podes…” (42.2);
2)Ele entendeu que os desígnios de Deus não podem ser frustrados: “E nenhum dos teus desígnios pode ser frustrado” (42.2);
3)Ele admitiu que o seu conhecimento de Deus era superficial – “Eu te conhecia só de ouvir” (42.5);
4)Ele passou a conhecer a Deus de forma mais profunda a pessoal – “… mas agora os meus olhos te vêem” (42.5);
5)Ele reconheceu sua precipitação no falar – “Na verdade falei do que não entendia; coisas maravilhosas demais para mim, coisas que eu não conhecia” (42.3);
6)Ele passou a conhecer profundamente a si mesmo – “Por isso me arrependo no pó e na cinza” (42.6).
3.Deus restaurou a sorte de Jó
Deus restaurou todas as áreas atingidas na vida de Jó:
a)Deus restaurou os bens de Jó – dando-lhe o dobro. Hoje Deus pode por em ordem sua vida financeira. Ele pode reerguer você. Ele é o Deus da provisão.
b)Deus restaurou a saúde de Jó – Viveu mais 140 anos. Ele viu seus filhos e os filhos de seus filhos. Ele teve uma vida longa e feliz. Deus pode curar suas enfermidades. Deus pode lhe dar a alegria de ver seus filhos crescendo, se casando. Deus pode lhe dar a alegria de ver seus netos e sendo instrumentos de bênção no mundo.
c)Deus restaurou o casamento de Jó – O casamento de Jó foi curado, transformado. Acabou a mágoa, a revolta, o esfriamento. Deus é especialista em reparar vasos quebrados. Para Deus não há causa perdida nem casamento perdido. Talvez você pensa que o divórcio é a única saída. Mas Jesus pode transformar a água em vinho.
d)Deus restaurou os filhos de Jó – Agora, Jó tem 10 filhos no céu e 10 filhos na terra. Não deu o dobro, porque não perdemos os nossos filhos com a morte. Seus filhos são filhos da promessa. Não abra mão de seus filhos. Aqueles filhos que hoje podem estar lhe trazendo dor, amanhã serão baluartes nas mãos de Deus.
e)Deus restaurou os amigos de Jó – Em vez de guardar mágoa das pessoas que falam mal de você, ore por eles. Porque através da intercessão Deus vai curar você e perdoar seus amigos.
CONCLUSÃO
Deus pode restaurar sua família. Deixe de murmurar. Dobre os joelhos e comece a orar e os céus se manifestarão;
Foi quando Jó começou a orar que a sua cura brotou.
Jó começou esse processo tendo Deus como o ponto principal de relacionamento e terminou com Deus em primeiro lugar.

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

VIDA NA PISTA LISA






BONDADE
É A MANEIRA PELA QUAL TRATAMOS AS PESSOAS.EM VEZ DE SERMOS CÍNICOS E IRRITATIVOS,SEJAMOS RECEPTIVOS E GENEROSOS.
LEALDADE
O MUNDO ESTA REPLETO DE PESSOAS DESLEAIS.NAO CONTEMOS COM AS PALAVRAS DELAS.SEJAMOS PESSOAS COM A QUAL É POSSIVEL CONTAR.
GENTILEZA

NA LUTA DE TOUROS DESTE MUNDO SOMOS CRUELMENTE INTIMIDADOS,MAS FOMOS CRIADOS PARA SER GENTIS COM O PROXIMO.
AUTO CONTROLE
FREIAR NOSSA LINGUA É UMA DAS TAREFAS MAIS DIFICEIS!ENTRETANTO TENHAMOS TEMPERANÇA SOBRE NOSSA VIDA ,POIS TODAS AS COISAS SÃO POSSIVEIS PELO PODER DO ESPIRITO SANTO DE DEUS.



A ISSO CHAMO DE PRINCIPIOS DE AMOR.

DOCE VIDA


CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM

PÔR DO SOL
 
 
 
 
AS LUZES DA CIDADE SE APAGAM
DIA A DIA BRINCAM AS CRIANÇAS
AS PRAÇAS EM CACHOEIRO FICAM COLORIDAS
 CAXU ENCANTA QUEM CANTA
 
PASSA O DIA NO CAMPO AFORA
QUEM SABE A CIDADE TEM GRAMA
CACHOEIRO SEU ITAPEMIRIM TEM FAMA       
 ENTRETANTO NA MESMA RUA UM PRANTO
CHEGOU A HORA DO ENCANTO
 
ACENDEM AS LUZES DA CIDADE
JÁ NAO HOUVEM SE OS CANTOS
AS ANDORINHAS  EM SEUS ROPDOPIOS
 AS LACERDINHAS NOS DANDO ARREPIOS
MOSTRAM QUE O SOL TEM UM PONTO
 
PONTO QUE FAZ NASCER
UM FOSCO BRILHO DA LUA
QUEM SABE CIDADE MINHA
UM DIA O PÔR DO SOL TE ALUMIA.  
 
                             MINHA CIDADE DA SAUDADE AI ME FIZ CRIANÇA ,AI ME FIZ MENINA AI ME FIZ MOÇA
                               PARA  DEPOIS SAIR  E NUNCA MAIS TE VER COMO A DEIXEI ,MAS QUE DEUS ME OUÇA
              POSSA COM TODA FORÇA TRAZER A MINHA MEMORIA A SAUDOSA PRINCESA DO SUL A MINHA CAXUUUUUUUU.
 
1

AGUIA OU GALINHA

a Aguia e as galinhas

A ÁGUIA E AS GALINHAS


Um camponês criou um filhote de águia junto com suas galinhas.

Tratando-a da mesma maneira que tratava as galinhas, de modo que ela pensasse que também era uma galinha.

Dando a mesma comida jogada no chão, a mesma água num bebedouro rente ao solo, e fazendo-a ciscar para complementar a alimentação, como se fosse uma galinha. E a águia passou a se portar como se galinha fosse.

Certo dia, passou por sua casa um naturalista, que vendo a águia ciscando no chão, foi falar com o 
camponês:

- Isto não é uma galinha, é uma águia! 

MODO.»

jose-de-sousa-moura-girao-a-galinha-e-os-pintos-1884

O camponês retrucou: - Agora ela não é mais uma águia, agora ela é uma galinha!

O naturalista disse: - Não, uma águia é sempre uma águia, vamos ver uma coisa...

Levou-a para cima da casa do camponês e elevou-a nos braços e disse:

- Voa, você é uma águia, assuma sua natureza !

- Mas a águia não voou, e o camponês disse:

- Eu não falei que ela agora era uma galinha !

O naturalista disse: - Amanhã, veremos...

No dia seguinte, logo de manhã, eles subiram até o alto de uma montanha.

O naturalista levantou a águia e disse: - Águia, veja este horizonte, veja o sol lá em cima, e os campos verdes lá em baixo, veja, todas estas nuvens podem ser suas.

Desperte para sua natureza, e voe como águia que és...

A águia começou a ver tudo aquilo, e foi ficando maravilhada com a beleza das coisas que nunca tinha visto, ficou um pouco confusa no início, sem entender o porquê tinha ficado tanto tempo alienada.

Então, ela sentiu seu sangue de águia correr nas veias, perfilou de vagar, suas asas e partiu num vôo lindo, até que desapareceu no horizonte azul."

 

Criam as pessoas como se galinhas fossem, porém, elas são águias.

Todos podemos voar, se quisermos.

Voe cada vez mais alto, não se contente com os grãos que lhe jogam para ciscar.

Nós somos águias, não temos que agir como galinhas, como as vezes querem que sejamos.

Pois com uma mentalidade de galinha fica mais fácil controlar as pessoas, elas abaixam a cabeça para tudo, com medo.

Conduza sua vida de cabeça erguida, respeitando os outros, sim, mas com medo, nunca!
TEMPO DE DEUS



Alguns meses, em um momento de oração com meu ministério , Deus me inspirou para que eu fizesse uma comparação com nosso tempo gasto no mundo com o tempo que gastamos com Ele, na Obra Dele. Resumidamente (se não ficaríamos aqui horas e horas), Deus nos dá 720 horas por mês, das quais 225 horas, em média, passamos dormindo e 44 horas trabalhando ou estudando. Somando e subtraindo, temos “sobrando” 451 horas POR MÊS para se fazer o que quiser (inclusive comer... rs).
O Senhor é muito, muito claro, em sua palavra (Eclesiastes 3, 1-8): “Para tudo há um tempo, para cada coisa há um momento debaixo dos céus: tempo para nascer, e tempo para morrer; tempo para plantar, e tempo para arrancar o que foi plantado; tempo para matar, e tempo para sarar; tempo para demolir, e tempo para construir; tempo para chorar, e tempo para rir; tempo para gemer, e tempo para dançar; tempo para atirar pedras, e tempo para ajuntá-las; tempo para dar abraços, e tempo para apartar-se. Tempo para procurar, e tempo para perder; tempo para guardar, e tempo para jogar fora; tempo para rasgar, e tempo para costurar; tempo para calar, e tempo para falar; tempo para amar, e tempo para odiar; tempo para a guerra, e tempo para a paz

AMIGO VERDADEIRO SÓ JESUS!

SeuOrkut.com.br

QUEM É ESSA MENINA QUE RIR E QUE CHORA




Quando os meus olhos te tocaram

Eu senti que encontrara
A outra metade de mim

Tive medo de acordar
Como se vivesse um sonho
Que não pensei em realizar

E a força do desejo
Faz-me chegar perto de ti

Quando eu te falei em amor
Tu sorriste para mim
E o mundo ficou bem melhor
Quando eu te falei em amor
Nós sentimos os dois
Que o amanhã vem depois
E não no fim

Estas linhas que hoje escrevo
São do livro da memória
Do que eu sinto por ti

E tudo o que tu me dás
É parte da história
Que eu ainda não vivi

E a força do desejo
Faz-me chegar perto de ti

Quando eu te falei em amor
Tu sorriste para mim
E o mundo ficou bem melhor
Quando eu te falei em amor
Nós sentimos os dois
Que o amanhã vem depois
E não no fim

ANDRE SARDET

Eu vou esperar a chuva passar
eu vou esperar o sol se abrir
eu vou cantar aos sete cantos
o som que me fez ouvir

Quem sabe as minhas preces
sejam válidas
e num piscar de olhos
você seja entregue para mim.


Foi tudo  amor
um sonho bom que acabou
uma proeza da realidade
uma expressão de saudade

Foi tudo  amor
que não soube sentir
como deveras pensar

que se feriu sem machucar
deixou cicatriz invisível
que talvez não vai sarar

Foi tudo por este amor
os lampejos do fim
para que tivesse como
nos separar

que se forçou a matar
o coração pouco a pouco
sem esperar

Foi com este sabor
que esta VIDA se mostrou
incapaz de amar..

Postado por Juliana.

Quero um sentimento
daqueles que me abraçe
bem forte
de jeito que não se solte
nem para esperar

Quero um sorriso aberto
daqueles que não se perca
mesmo que amanheça
ali estará..

Quero companhia
nas noites frias
nas faltas da solidão
quando aperta
este pobre coração

Quero palavras
que me deixem com graça
cheias de sentimentos
repletas de emoção..

Quem sabe, talvez o amanhã
traga você enfim
num passe de mágica
ou talvez por tanto
querer assim..

um sentimento profundo
que toque bem fundo e
que nunca se esqueça de mim..
E tenho dito!

Quantas vezes ouço sua voz

acariciando os meus ouvidos

sinto teu sorriso tocando o meu

e me pergunto onde está você agora?


Talvez fosse fácil descrever

o que sinto por você

e ao mesmo tempo inexplicável

no entanto me pergunte

há um tempo para a nossa hora?


Quando vamos viver cada momento juntos

e quando cada momento vai viver em nós

mesmo todos estes que passamos sem hora

será que saberemos entender os sinais de outrora


Ao ponto de encontrar o equilíbrio

desta distância voraz

será que um dia estaremos o mais perto possível

sem pressa de ir embora jamais!







Foi aquele dia que entendi o que era amar
naquele instante eu pedia aos céus um amor
que me mostrasse uma estrada brilhante
minha cabeça baixa
a espera de uma resposta distante

e você chegou,chegou distraído,
eu te vi, mais não sabia quem era..
me sentei e você ao meu lado
se pôs a descansar..

seus olhos fitaram os meus
eu mal sabia quem era você..
e refletindo sobre aquele meu pedido
seria realidade ou apenas vontade de ser..

no outro dia, novamente me vi naquele instante
e você, como um sol radiante
se pôs a descansar outra vez ao meu lado
me olhou nos olhos
e sem dizer uma só palavra, tocou minhas mãos..

eu, discretamente, a ti redobrei minha atenção
será mesmo que era você quem eu havia pedido em oração..
foram dias desta mesma companhia
você ao meu lado, me dizendo em silêncio
o que sentia

foi até que um dia, recebi convite para uma festa
e ali nos encontramos, parecia destino ou apenas um sonho
eu te vi, disperso, rodeado por amigos
mais não sabia mesmo se era você, meu escolhido

resolvi que se fosse, a vida se encarregaria de dizer..
quando nossos olhos se encontraram ao longe
eles disseram tantas coisas, que o sorriso apenas
enumerou..

foram segundos que valeram uma vida..
assim, chegada a hora de partida, você não mais apareceu
e eu me vi sozinha e decidi ir
fui embora da festa e enquanto meu carro se despedia do lugar
você foi ao meu encontro, mais já era tarde demais..

desde aquele dia, nossos olhos buscam nos ver..
mais agora com receio, a se esconder..
parece que é medo de amar
que nos julga, e assim
esses instantes continuam sempre a acontecer
quem sabe um dia, eu ainda tenha você..

Postado por Juliana.

AMADA DE DEUS PAI

Sou amada do Pai o meu Deus

PODE SER HERÓI TANTO QUEM GANHA...QUANTO QUEM SUCUMBE...MAS JAMAIS QUEM ABANDONA O COMBATE...


Por que você parou de lutar...desistiu no meio da jornada...se a guerra apenas começou...

Não deixe de lutar por aquilo que você deseja...não entregue os pontos antes de ver a derrota...

Se acontecer algo no meio do caminho...para te fazer desistir...resista até o último...persiga a tua vitória...

A persistência é um caminho árduo...mas a desistência te torna um fracassado...

Ser fracassado é pior do que ser derrotado...

Insista...invista...não se importe com que irão pensar...o propósito é teu...o objetivo é para sua felicidade...

O tempo vai te ajudar a amadurecer suas idéias...então...tenha paciência e espere com calma o momento certo de agir em cada situação...

Se você está sendo destruído por falta de sabedoria...peça a Deus que te oriente...e não faça nada sem antes orar...o discernimento virá...com certeza...

Ele te orientará a agir certo...na hora certa...sem deixar que as emoções sobreponham a sua sensatez...

Oração do Dia:
- Pai Santo e glorioso...visita esta pessoa que está lendo esta mensagem...
- Oriente seus caminhos...não permita que desistam em meio às lutas...
- Fortaleça os corações...que os sentimentos de derrota deixem o seu espírito...para terem paz...
- Que tenham fé o suficiente para enfrentar as batalhas...de cabeça erguida...
- Unge as mentes contra pensamentos negativos...coloque esperança nos corações...
- Quebre toda barreira que impede o teu agir em meio às tribulações...
- Sonda os corações...colocando a tua paz...o teu amor...a tua alegria...

Tudo isto eu te peço...em nome de Jesus!!! Amém.