Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, 14 de março de 2012

Síndrome de Down

Podemos ver Deus nas pequenas coisas, Confie em Deus.

Podemos ver Deus nas pequenas coisas, Confie em Deus.





Certa vez um homem estava sendo perseguido... Havia malfeitores que queriam matá-lo. O homem, correndo, virou em um atalho que saía da estrada e entrava pelo meio do mato e, no desespero, elevou uma oração a Deus da seguinte maneira:

- "Deus Todo Poderoso fazei com que dois anjos venham do céu e tapem a entrada da trilha para que os bandidos não me matem!”.

Nesse momento escutou que os homens se aproximavam da trilha onde ele se escondia e viu que na entrada da trilha apareceu uma minúscula aranha. A aranha começou a tecer uma teia na entrada da trilha. O homem se pôs a fazer outra oração cada vez mais angustiado:

- "Senhor, eu vos pedi anjos, não uma aranha", e continuou a orar, "Senhor, por favor, com tua mão poderosa coloca um muro forte na entrada desta trilha, para que os homens não possam entrar e me matar...”.

Abriu os olhos esperando ver um muro tapando a entrada e viu apenas a aranha tecendo a teia. Estavam os malfeitores entrando na trilha, na qual ele se encontrava esperando apenas a morte. Quando passaram em frente da trilha o homem escutou:

- "Vamos, entremos nesta trilha!”.

- "Não, não está vendo que tem até teia de aranha? Nada entrou por aqui. Continuemos procurando nas próximas trilhas”.

Fé é crer no que não se vê, é perseverar diante do impossível.

Às vezes pedimos muros para estarmos seguros, mas Deus pede que tenhamos confiança n'Ele para deixar que sua glória se manifeste e faça algo como uma teia, que nos dá a mesma proteção de uma muralha.

"Crê no Senhor Jesus e serás salvo"(Atos 16:31a)

terça-feira, 13 de março de 2012

A VISÃO DE ISAÍAS (Isaías 6.1-8)



A VISÃO DE ISAÍAS (Isaías 6.1-8)

- "No ano em que o rei Uzias morreu, eu vi o Senhor sentado num trono alto e elevado".
- Isaías descreve uma visão que teve.
- A visão que teve Isaías ocorreu no ano em que morreu o Rei Uzias, (742 a.C.) - talvez a experiência da morte do Rei produziu um senso de vazio, que o levou ao Templo em busca de consolo.
- No Templo, Isaías teve uma grande visão de Deus, que culminou com sua chamada profética.

- Examinando isto, você também deve entender que:
1. VOCÊ PRECISA TER A SUA VISÃO DA SANTIDADE DE DEUS
- V.2, 3: "No ano em que o rei Uzias morreu, eu vi o Senhor sentado num trono alto e elevado. O seu manto se estendia pelo Templo inteiro, e em volta dele estavam serafins. Cada um deles tinha seis asas: com duas eles cobriam o rosto, com duas cobriam o corpo e com as outras duas voavam".
- Os anjos (Serafins, classe especial de anjos, como são os Querubins), declaravam que Deus é Santo por três vezes.
- Esta é uma grande revelação do caráter de Deus: a sua santidade.
- A idéia básica de Santidade é "separação", ou seja, Deus está separado e acima de sua criação.
- Isaías chama Deus de "O Santo de Israel", em 1.14: "Ai desse povo mau, dessa gente cheia de pecados! ...rejeitaram o Santo Deus de Israel e viraram as costas para ele".
- Em 5.19 também fala de Deus como "o Santo Deus de Israel".
- Tal aspecto do caráter de Deus, O coloca acima de sua criação, separado das coisas criadas.
- O salmista Asafe declarou no Sl 77.13: "...Não há deus que seja tão grande como o nosso Deus".
- Amado, nós precisamos ter isto no coração: Deus é elevado, é absolutamente santo - não há outro tão grande como Ele; por isso, que meu pecado sempre irá ofendê-lO! ...minhas mentiras, minhas atitudes desonestas/imorais, minhas palavras impuras... tudo isso ofende a Deus e nos priva de agradá-lO.
- Então, quando Isaías viu a santidade de Deus, ele pode ver que precisava também, santificar-se, para ser usado no ministério profético.
- Amado irmão, isso também se dá conosco: Não podemos servir a Deus com perfeição, se nos falta santidade.
- Você pode ter o microfone na mão, você pode levantar no seu lugar e cantar, você pode tocar os instrumentos da igreja, pode dançar, pode ensinar... mas se não tiver santidade, nada disso será agradável para Deus.
- Por isso, a fim de ser usado por Deus, é preciso primeiro que você tenha a sua própria visão da santidade de Deus.

- Pela experiência de Isaías, entenda também que:
2. VOCÊ PRECISA TER A SUA VISÃO DA GLÓRIA DE DEUS
- V.3: "Eles diziam em voz alta uns para os outros: "Santo, santo, santo é o Senhor Todo-Poderoso; a sua presença gloriosa enche o mundo inteiro!".
- No texto são os anjos Serafins que estão proclamando a "Glória de Deus". Veja a expressão: "Toda a terra está cheia de sua glória" ...Isaías podia perceber uma pequena demonstração desta glória ali dentro do Templo.
- O termo "Glória de Deus", vem da palavra hebraica "Shekiná", uma palavra que descreve a "refulgente", a "magnitude" da manifestação divina.
- A Glória de Deus é manifestada em toda a natureza: o Sl 19.1 diz: "Os céus declaram a glória de Deus". No dia em que o nascimento de Jesus foi anunciado trazendo salvação, uma multidão de anjos louvou a Deus dizendo: "Glória a Deus nas alturas".
- Essa glória de Deus apareceu para Moisés. Ele apascentava o rebanho de Jetro e quando chegou a um monte chamado Horebe, apareceu um anjo do Senhor em uma chama de fogo do meio duma sarça. Moisés olhou, viu que a sarça ardia no fogo e não se consumia.... era a glória de Deus manifestada!
- Salomão, certa vez, acabando de orar, viu um fogo descer do céu e consumir os sacrifícios. A Bíblia diz que naquela hora a glória de Deus encheu a casa e todos os filhos de Israel se prostraram com o rosto em terra e adoraram e louvaram ao Senhor.
- No Apocalipse lemos de João, que diz: "Eu fui arrebatado no Espírito no dia do Senhor, e ouvi detrás de mim uma grande voz, como de trombeta, que dizia: Eu sou o Alfa e o Ômega, o primeiro e o derradeiro; e o que vês, escreve-o num livro, e envia-o às sete igrejas que estão na Ásia: a Éfeso, e a Esmírna, e a Pérgamo, e a Tiatira, e a Sardes, e a Filadélfia, e a Laodicéia. E virei-me para ver quem falava comigo. E, virando-me, vi sete castiçais de ouro; e no meio dos sete castiçais um semelhante ao Filho do homem, vestido até aos pés de uma roupa comprida, e cingido pelos peitos com um cinto de ouro. E a sua cabeça e cabelos eram brancos como lã branca, como a neve, e os seus olhos como chama de fogo; e os seus pés, semelhantes a latão reluzente, como se tivessem sido refinados numa fornalha, e a sua voz como a voz de muitas águas. E ele tinha na sua destra sete estrelas; e da sua boca saía uma aguda espada de dois fios; e o seu rosto era como o sol, quando na sua força resplandece. E eu, quando vi, caí a seus pés como morto; e ele pôs sobre mim a sua destra, dizendo-me: - - Não temas; Eu sou o primeiro e o último". Aleluia!
- Deus quer manifestar a Sua glória sobre você, hoje!
- Quantos crêem nessa possibilidade, digam: "Amém"!
- É importante que você creia na vontade de Deus envolver você com a Sua glória, luz e poder!
- Por exemplo: você crê em anjos? Crê que eles existem e que são enviados de Deus como portadores de bênçãos? Você crê?
- Então: Você crê no sobrenatural de Deus? ...você também precisa ter a sua visão da glória de Deus!
- Como Isaías teve uma visão da santidade de Deus, da glória de Deus, junte a isto que:

3. VOCÊ PRECISA TER TAMBÉM A SUA VISÃO DO PECADO
- V.5: "Então eu disse: - Ai de mim! Estou perdido! Pois os meus lábios são impuros, e moro no meio de um povo que também tem lábios impuros. E com os meus próprios olhos vi o Rei, o Senhor Todo-Poderoso!".
- Quando alguém contempla a glória de Deus e tem uma percepção da santidade de Deus, depois, acaba olhando para si mesmo e vê a sua miserabilidade.
- Quando você contempla a glória de Deus e vê o quanto Ele é santo, o seu pecado aflora. Sua vida fica nua e patente aos olhos de Deus.
- Foi assim com Moisés. Deus lhe falou: "Não poderás ver a minha face, porquanto homem nenhum verá a minha face, e viverá".
- Abraão, quando estava diante do Senhor, reconheceu a si mesmo, como sendo pó e cinza, e disse: "E respondeu Abraão dizendo: Eis que agora me atrevi a falar ao Senhor, ainda que sou pó e cinza".
- Jó falou da sua profunda consciência de culpa quando reconheceu a santidade e majestade de Deus. Ele disse: "Com o ouvir dos meus ouvidos ouvi, mas agora te vêem os meus olhos. Por isso me abomino e me arrependo no pó e na cinza".
- Amado: Deus quer mostrar a você nesta noite a Sua glória. Mas, prepare-se, pois seu corpo mortal não poderá resistir - seu pecado terá que ser deixado, abandonado, renunciado...
- Você está disposto?

- Examinando a experiência do profeta Isaías, entenda ainda que:
4. VOCÊ PRECISA TER A SUA VISÃO DA PURIFICAÇÃO
- V.6,7, "Aí um dos serafins voou para mim, segurando com uma tenaz uma brasa que havia tirado do altar. Ele tocou a minha boca com a brasa e disse: - Agora que esta brasa tocou os seus lábios, as suas culpas estão tiradas, e os seus pecados estão perdoados. ".
- Isaías não foi expulso da presença do Senhor em função de sua natureza pecaminosa - a mesma visão que lhe intensificou o sentido do seu estado pecaminoso, lhe deu a certeza de que seu pecado foi perdoado, seu coração purificado.
- Um daqueles Serafins tomou uma brasa viva do Altar e tocou nos seus lábios impuros, purificando-os com o fogo.
- O fogo é descrito na Palavra de Deus como elemento purificador: Nm 31.23 diz: "Tudo o que o fogo não destrói, como ouro, prata, bronze, ferro, estanho e chumbo, deverá ser purificado pelo fogo".
- Ml 3.1.3, "O Senhor Todo-poderoso diz: Eu enviarei o meu mensageiro para preparar o meu caminho. E o Senhor a quem vocês estão procurando vai chegar de repente ao seu templo. E está chegando o mensageiro que vocês esperam, aquele que vai trazer a aliança que farei com vocês. Mas quem pode agüentar o dia em que ele vier? Quem ficará firme quando ele aparecer? Pois ele será como o fogo,para nos purificar... ele se sentará para purificar os sacerdotes, os descendentes de Levi, como quem purifica e refina a prata e o ouro no fogo. Assim eles poderão oferecer a Deus os sacrifícios que ele exige".
- Para ser totalmente limpo, é preciso passar pelo batismo de fogo, (João Batista dizia, em Mt 3.11: "E eu, em verdade, vos batizo com água, para o arrependimento; mas aquele que vem após mim é mais poderoso do que eu; cujas alparcas não sou digno de levar; ele vos batizará com o Espírito Santo, e com fogo" = arrependimento.
- Amado: Você é precioso para Deus, sua vida é como ouro para Ele, mas o verdadeiro valor do ouro somente se revela após ter sido refinado pelo fogo.
- Hoje você deve passar pela purificação. Amém? Diga: "Hoje, se Deus pôr as mãos em mim, eu deixo. Não farei resistência".

- Finalmente, entenda também que:
5. VOCÊ PRECISA TER A SUA VISÃO DO SERVIÇO
- V.8, "Em seguida, ouvi o Senhor dizer: - Quem é que eu vou enviar? Quem será o nosso mensageiro? Então respondi: - Aqui estou eu. Envia-me a mim!".
- Devemos notar que o preparo para o serviço do Senhor, passa por várias fases em nossa vida cristã: A primeira é que precisamos estar com o Senhor, contemplar sua glória e santidade. Depois passamos pela fase do reconhecimento de que somos pecadores e precisamos ser tratados ao nível de nossos pecados. Depois vem o serviço.
- Deus não "empurra" ninguém para a sua obra. Ele Chama: "A quem enviarei?" "Quem é que eu vou enviar?".
- Sua chamada espera uma respostas: "Eis-me aqui, envia-me a mim".
- Porém o Senhor exige que aqueles que se engajam em sua obra, o façam com todo desprendimento possível.
- Lemos em Mt 4.18-22 que: "...Jesus, andando junto ao mar da Galiléia, viu a dois irmãos, Simão, chamado Pedro, e André, os quais lançavam as redes ao mar, porque eram pescadores; e disse-lhes: Vinde após mim, e eu vos farei pescadores de homens. Então eles, deixando logo as redes, seguiram-no. E, adiantando-se dali, viu outros dois irmãos, Tiago, filho de Zebedeu, e João, seu irmão, num barco com seu pai, Zebedeu, consertando as redes; e chamou-os; eles, deixando imediatamente o barco e seu pai, seguiram-no".
- Mais adiante, o texto de Mt 9.9, diz: "E Jesus, passando adiante dali, viu assentado na recebedoria um homem, chamado Mateus, e disse-lhe: Segue-me. E ele, levantando-se, o seguiu".
- Em Lc 9.57-62 está escrito: "E aconteceu que, indo eles pelo caminho, lhe disse um: Senhor, seguir-te-ei para onde quer que fores. E disse-lhe Jesus: As raposas têm covis, e as aves do céu, ninhos, mas o Filho do homem não tem onde reclinar a cabeça. E disse a outro: Segue-me. Mas ele respondeu: Senhor, deixa que primeiro eu vá a enterrar meu pai. Mas Jesus lhe observou: Deixa aos mortos o enterrar os seus mortos; porém tu vai e anuncia o reino de Deus. Disse também outro: Senhor, eu te seguirei, mas deixa-me despedir primeiro dos que estão em minha casa. E Jesus lhe disse: Ninguém, que lança mão do arado e olha para trás, é apto para o reino de Deus".

Conclusão
- Amado, Deus quer usar você para abençoar a igreja, abençoar sua família, abençoar a cidade, abençoar a terra inteira...
- Porém, Deus não vai usar você na posição em que você está.

- Mas...

1. VOCÊ PRECISA TER A SUA VISÃO DA SANTIDADE DE DEUS
2. VOCÊ PRECISA TER A SUA VISÃO DA GLÓRIA DE DEUS
3. VOCÊ PRECISA TER TAMBÉM A SUA VISÃO DO PECADO
4. VOCÊ PRECISA AINDA TER A SUA VISÃO DA PURIFICAÇÃO, e
5. VOCÊ PRECISA TER A SUA VISÃO DO SERVIÇO

- Tenha, agora, um encontro com Deus no Altar e contemple Sua glória e majestade;
- Seu pecado precisa ser exposto diante dEle para ser purificado,
- E agora, você está pronto. Amém?
- Então, tenha uma contemplação de Deus agora.
- Confesse a Deus o seu pecado.
- Entregue-se a Deus e esteja disposto a trabalhar para o seu serviço.

Um Coração que Escuta, Aprende e Anuncia

Um Coração que Escuta, Aprende e Anuncia

Ao realizarmos o retiro em preparação para nossa admissão ao postulantado, perpassamos refletindo as três instâncias do título desta matéria.
Bem sabemos que em nossas vidas temos muitos momentos de felicidade e outros de tristeza, obviamente isto é o comum de toda vida humana. No entanto, o mais importante dentre estes momentos que passamos, é como nosso coração e nosso ser se encontra enfrenta estas situações.
E você? Como seu coração se encontra neste momento meu amigo?
Feliz, ou triste, ansioso ou calmo, inquieto ou quem sabe magoado?
Bom segundo as Escrituras, Deus nos criou por amor, e por amor sempre falou ao seu povo pelos profetas conduzindo-os com carinho, este amor é tão grande que para nos salvar do pecado enviou-nos seu filho Jesus.

O fato é que se Deus demonstrando tanto carinho por nós, sempre nos revelou que nos quer bem, porque ainda insistentemente passamos nossa vida sem prestar ouvidos as suas palavras de amor?
A proposta de Deus é clara: “Se alguém quer vir após mim, renuncie a si mesmo, tome a sua cruz e siga-me.” Mc. 8, 34b
Ora nesta passagem cristo deixa-nos livres para segui-lo, mas se optarmos pelo sim, é necessário que escutemos suas palavras, e delas aprendamos para que enfim possamos anuncia-las a outros.
Como já disse em outro post neste blog, encontra-se com Cristo requer mudanças. Não há como encontra-se com Ele e não sair diferente. E uma vez que dentro de nós as coisas começam a mudar, consequentemente vamos anunciar as maravilhas do Senhor, com palavras e com nossa vida.
Contudo, para seguirmos Cristo temos que aceitar nossas limitações, problemas e dificuldades, ou seja, a Cruz. Aceitamos nossa cruz, tomamos ela em nossos ombros e o seguimos. Ou seja, o ‘seguir’ Jesus é justamente transformar-nosem outro Cristo, que aceita sua cruz por amor, e luta para ser cada dia melhor. Cristo dia após dia testemunhava com sua vida como ser um homem gradativamente livre e melhor.

Em nossa realidade seguir, pois, a Cristo, é escutar suas palavras, escutar seu coração que fala através da própria Palavra e também através dos rostos desfigurados de nossos irmãos que necessitam de ajuda e amor.
“Todavia, sede praticantes da palavra e não meros ouvintes, enganando-vos a vós mesmos.” Tg 1, 22.
Para praticar a palavra devemos absorver o conteúdo dela primeiramente, ou seja, aprender do Coração de Jesus como agir: “Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração” Mt 11, 29A.
O próprio Jesus nos convida a aprendermos d´Ele.
E assim poderemos enfim imitar sempre o Cristo, pois nossa medida deve ser sempre Ele. Aprendendo com Ele então aos poucos poderemos enfim anunciar sua palavra, muito mais que com nossos lábios, mas com nossa própria vida.
Não é possível testemunhar o Cristo se nós não temos um coração que está em constante oração para se transformar, muito menos se ele não for um coração aberto para escutar, aprender e anunciar

Tolerar pecadores na igreja?