Ocorreu um erro neste gadget

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Caspas






O que é a caspa?

Identificada
por pequenas partículas brancas, visíveis através do cabelo ou caídas sobre a
roupa, a caspa resulta de uma aceleração anormal do processo de renovação das
células do couro cabeludo, motivada por um fungo, Malassezia, produzido no
organismo humano e que existe naturalmente na pele de todos nós.
As células
que, num processo normal, têm 28 dias de maturação, desenvolvem-se até à camada
exterior num curto período que pode ir até 7 dias. Por não completarem o seu
processo normal de maturação, e sem tempo suficiente para secar, as células
agrupam-se e desprendem-se em finas películas visíveis – a Caspa.
A caspa é
um problema muito habitual, que afecta igualmente homens e mulheres e surge com
a puberdade, entre os 16-17 anos. É muito raro ver casos de caspa em crianças,
assim como em pessoas com idade superior a 65 anos. De acordo com estudos
levados a cabo por Head & Shoulders, cerca de 75% da população portuguesa
adulta afirma já ter sofrido de caspa em alguma fase da sua vida.
A caspa
não é uma doença nem é contagiosa, é apenas um problema cosmético que influi
negativamente no aspecto estético de uma pessoa, mas que pode ser facilmente
solucionado com um champô anti-caspa adequado.
É importante certificarmo-nos
de que se trata efectivamente de caspa e não de qualquer outro problema
dermatológico relacionado com o couro cabeludo. Se o couro cabeludo se
apresentar vermelho, inflamado, com humidade ou feridas, trata-se certamente de
um problema mais grave e deverá ser consultado o dermatologista.

Quais
são as causas da caspa?

A presença de um levado número de colónias de
Malassezia, em conjunto com um excesso de secreção sebácea, constituem a
condição primordial para o aparecimento da caspa. Entre os factores que
desencadeiam o processo contam-se a pré-disposição genética, stress, factores
hormonais, dietéticos ou do meio ambiente.
Embora não exista uma explicação
científica, a experiência parece demonstrar que a caspa e algumas outras
afecções do couro cabeludo, como a dermatose seborreica, dão-se com maior
frequência em determinadas estações do ano, especialmente as secas, não
existindo no entanto qualquer relação com o país no qual se vive.

Mitos
sobre a caspa “a caspa é contagiosa”

É falso. A caspa não se contagia
através da utilização de pentes ou escovas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"UM AMIGO DESEJÁVEL É SOCORRO EM TEMPO DE DIFICULDADES"